quinta-feira, 30 de julho de 2009

Descaramento!?!

É surpreendente o descaramento de alguns que, ao dizerem o que lhes apetece só para se promoverem, culpando sempre os outros pelos pretensos azares, parecem querer presumir que os ouvintes são uns atrasados passivos sem memória nenhuma.
Vem isto a propósito de Santana Lopes num debate com António Costa. Até teve o desplante de dizer que os outros é que deixaram dívidas e que um candidato a vereador foi responsável por prejuízos em relação ao túnel (o tal que além de caríssimo, à nossa custa, ainda mete mais automóveis em Lisboa em cima dos passeios). Como se as suas ideias "miraculosas", à custa do orçamento, não pudessem ser postas em causa.
Será que o senhor Lopes não tem consciência que deixou Lisboa quase ingovernável e que se não fossem os outros que lá ficaram, não apenas António Costa mas outros vereadores da oposição, até o seu anterior vice-presidente, Lisboa estaria na bancarrota e que a se a câmara já conseguiu recuperar algum crédito totalmente perdido no tempo em que este senhor desbaratava tudo e não pagava foi porque ele se foi embora? Como é que alguém que (como é que Durão Barroso, ao fugir, e o PSD a dar-lhe confiança …?) que foi despedido sumariamente pelo Presidente da República (demasiado paciente) por incompetência como primeiro-ministro ainda é capaz de se apresentar publicamente com estes dislates?

Um comentário:

Daniela disse...

Pois.
O Santana Lopes quando teve na Figueira da Foz, é verdade que fez várias coisas para incentivar o turismo da cidade, no entanto, pelo que me consta, ele também deixou bastantes dividas, e já não sei em que revista / jornal li que ele era um dos politicos que mais dinheiro gastava mal gasto. É assim a política em Portugal...